• Prêmio Melhor Cidade
  • Prêmio Melhor Destino de Inverno
  • Prêmio Prefeito Empreendedor
  • Transparência na Internet
  • Travellers Choice

Termo de início de obras de abastecimento de água

Mais um importante passo foi dado a fim de diminuir a problemática do abastecimento de água em Gramado. Em conformidade com as medidas emergenciais impostas pela Prefeitura à Corsan, a companhia deu ordem de início para a construção de reservatório de 3 mil m³ em área pública, localizada na Rua Bela Vista, nº 200 (rua de acesso à Aldeia do Papai Noel). A nova instalação, que representa um investimento de R$ 3.651.579,44 com recursos próprios da Companhia, será executada no período de quatro meses e dobra a capacidade de reservação da cidade, que passa para 6.930m3.

A cerimônia de assinatura do termo de posse, realizada nesta sexta-feira (3), na Prefeitura de Gramado, contou com a presença do governador José Ivo Sartori, que saudou a parceria entre a cidade e o Governo do Estado, por intermédio da Corsan, que está propiciando a melhoria do saneamento na região. “Esta é uma demanda aguardada pela comunidade e sem a colaboração da Prefeitura não estaríamos fazendo esta obra. O Estado e o município estão cumprindo o seu dever. Não podemos esquecer que Gramado é um lugar turístico e que, por isso, não pertence somente ao Rio Grande do Sul – pertence ao Brasil e ao mundo. Este é um dia muito importante para o futuro de todas as cidades que tem a vocação tão especial para o turismo e para a recepção das pessoas", disse.

A importância da obra para a população da cidade e para a infraestrutura turística também foi salientada pelo presidente da Corsan, Flávio Ferreira Presser, que citou eventos como o Natal Luz e Festival de Cinema. “Por isso essa obra de reservação é fundamental. Juntamente com os investimentos que estão sendo feitos em Canela, teremos neste verão um aumento de cerca de 25% na produção de água para o sistema integrado Canela-Gramado”, explicou.

O prefeito Fedoca - João Alfredo de Castilhos Bertolucci (PDT) saudou a parceria com a Corsan e elogiou os esforços das secretarias municipais do Meio Ambiente e do Planejamento na relação com a empresa. Desde o início do ano, a administração municipal vinha exigindo à Companhia ações que resolvessem o histórico problema de falta de água em determinados bairros durante a alta temporada. “Criamos um novo momento: o diálogo com a Corsan. Através deste diálogo estamos obtendo esta obra tão fantástica que vai suprir uma lacuna importante e recorrente. Vamos agora abastecer de água e, adiante, avançaremos no esgotamento sanitário. Que estas ações sejam impulsionadas e que tornem nossa cidade exemplar também no saneamento básico, para que Gramado continue sendo o orgulho de nosso Estado”, falou.

Também participaram da cerimônia o secretário de Obras, Saneamento e Habitação do Estado, Fabiano Pereira, o deputado estadual Tiago Simon (PMDB), o deputado estadual Elton Weber (PSB), o vice-prefeito de Gramado, Evandro Moschem (PMDB), o presidente da Câmara de Vereadores de Gramado, Luia Barbacovi (PP), secretários municipais, vereadores e representantes de entidades.

O reservatório - A instalação do reservatório segue a implantação dos projetos e iniciativas reunidos no Relatório de Ações Operacionais e Investimentos, apresentado em julho deste ano à Prefeitura de Gramado. O reservatório é de aço com revestimento vitrificado, sobre base e fundações em concreto armado.

A execução será realizada pela empresa Sm7 Engenharia Tecnologia e Importação Ltda. O projeto também compreende, entre outros, a instalação de tubulação de entrada e de saída de água; tubulações de expurgo, ladrão e drenagem; e urbanização da área, com a execução de pavimento de blocos e meio-fio de concreto, colocação de gramado, grades de ferro e portões. No contrato, também está prevista a doação de 1.650 mudas ao Horto Municipal. Este novo reservatório vai se somar às iniciativas que a Corsan está tomando para qualificar o sistema integrado de abastecimento de água Gramado-Canela.

 

Investimentos

A Corsan está fazendo investimentos nos sistemas de abastecimento de água e de tratamento de esgotos em Gramado. Além do reservatório cuja ordem de início foi dada nesta sexta-feira, foram concluídos os trabalhos de ampliação da capacidade de bombeamento da Estação de Tratamento de Água (ETA), elevando a adução de 93 litros por segundo para 108 litros por segundo. Além disso, também estão concluídas as instalações de novos grupos motor-bomba e outras melhorias operacionais que possibilitaram o aumento de produção da ETA, localizada em Canela, de 210 litros por segundo para 280 litros por segundo, enquanto está em andamento o projeto de novo floculador da ETA que elevará a sua capacidade operacional para 600 litros por segundo, num sistema que contará com novos bombeamentos e assentamento de adutora de água bruta e tratada. Outros dois reservatórios estão sendo projetados, um de 1.500 m³ e outro de 3.000 m³, assim como a implantação do serviço de redução de perdas de água e a implantação de um Centro de Controle Operacional que vai monitorar o sistema de abastecimento 24 horas por dia. Poços artesianos vão reforçar o atendimento em mais 10 litros por segundo em Canela e a mesma produção para Várzea Grande, o que vai qualificar o abastecimento.

Na área de esgoto sanitário, estão previstos um total de R$ 74.784.130,40 em investimentos. Destes, já foi concluído o assentamento de 6.674,4 metros de rede coletora nas Bacias 2 e 4, num investimento de R$ 2.884.130,40. Será licitado para essa região a instalação de mais 7.543,60 metros, no valor de R$ 4.650.000,00.

A Companhia também está pleiteando junto ao CAF financiamento de R$ 67.250.000,00, para ampliação do sistema de esgotamento sanitário. Estão previstos a construção da nova ETE Ávila, com capacidade para 80 litros por segundo e com investimento de R$ 25 milhões; redes coletoras complementares nas Bacias 2 e 4 e execução total na Bacia 5, com investimento de R$ 13 milhões; redes coletoras e respectivas estações elevatórias nas cinco bacias de Várzea Grande (Bacia Vila Jardim, Bacia Três Pinheiros, Bacia Várzea Grande, Bacia Várzea Grande 1º de Maio e Bacia Várzea Grande Vila do Sol), com um investimento de R$ 22.250.000,00; e a construção da nova ETE Várzea Grande, com capacidade para 20 litros por segundo e um investimento de R$ 7 milhões.